sábado, 3 de novembro de 2012

Enquanto tudo girar...




Enquanto tudo girar...

E a música tocar meu
peito com a força da emoção
...Que só tu vens encantar.
Ou um jogo qualquer de
sedução fazer-me lembrar.
Que teu amor e o meu é um grito
da mesma identidade ou
nossos nomes em forma
de coração.

Enquanto a língua calar quando
o erro parecer um brusco engano.
Enquanto meus olhos
 fecharem sonhando...
Que razão só e bem vinda a mim
em forma de amor ou escritas.
Ah... Enquanto me disseres
coisas bonitas.

Enquanto houver
motivo para amar...
E o sol me desejar boa sorte.
Enquanto houver sonhos a rimar.
Minhas palavres sempre serão fortes.
Ah... Enquanto tudo girar.


© Direitos reservados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário