segunda-feira, 13 de junho de 2011

Um toque teu me bastaria...


Um toque teu me bastaria...

Para correr ao
teu encontro e de alegria nas
manhãs orvalhadas, raios
de sol espalharia ao tornar possível
meus sonhos que deixei em abandonos.
Só um toque teu me bastaria para
embalar de felicidade o mundo
e tornar feliz as minhas
noites sem graça de outono.
E feito tempestade repentina
te roubaria cada instante
com um olhar desconcertante além
da cortina que nos separa.

Cantaria aos quatro
cantos do mundo este amor que
plantar-te em minh’alma
e colheria frutos nos ritmos do meu
coração que um dia dissera amar.
Apenas com um toque terias minhas
emoções e desejos na palma das tuas mãos.
E como se nada disso bastasse
escrava deste amor eu
seria ao amar-te.

Apenas um toque...
para corar meu pálido rosto
que inspira e retira cada palavra
minha dita tornando-as em arte.
Um toque para iluminar meu caminho,
meu tempo ocupando assim
todo o espaço.
Apenas um toque teu me bastaria...

Marisa Torres
© Direitos reservados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário