domingo, 10 de abril de 2011

Tu és minha adoração.


Tu és minha adoração.

É lá...
No mais profundo do
meu ser que posso ouvir
nossos corações pulsar.
Na minha alma tem um lugar
só teu... ”És minha adoração”.
É lá...Que tudo é simples o nu
é puro as vestes devassidão.
É lá que dançamos
um bolero com
paixão.

É lá...
Onde deixo-me ceder
ao encanto do tango num ritmo
profano de êxtase e sedução.
É lá que admito...
És divindade foi feito para adorar.
É lá que cantamos o hino dos anjos ao amar.
És minha inspiração.
É no mais intimo do meu ser
que minha alma vem despir.
Nesta janela sempre aberta
te vejo entrar e partir.

É na minh’alma
que posso voar neste circulo
vicioso que é teu corpo. Ah!..
Que nossos olhos se tornam um só olhar.
É lá... Onde tem sempre festa basta pensar!
No meu corpo nu tu faz balé...
Eu no teu sapatear.

Ah... É lá!!

Marisa Torres
@ Direitos reservados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário