quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

Hei estou te amando...

Hei estou te amando...

E em teus
olhos vou vagando...
Ou mesmo vivo a sonhar!
Despindo-me em prazer...
Não, não me acorde.
Só quero acordar se for para
em teus braços viver...
Este amor é como o vento sem
algemas para prender.
Como uma flor saciando a cada
 dia se abrindo onde seu pássaro
 vem renascer.

É... Estou te amando.
Não me pergunte o por que...
Só sinto uma vontade louca
de beija-te a boca.
Enfim... Em ti me perder.
E tu te fazes em mim flutuar
 deixando-me esta esperança no ar.
Hei... Estou amando e sinto
que posso estrelas tocar.

Estou a te amar loucamente.
E só consigo ouvir esta canção freqüente.
Ou mesmo um poema que fala
de coração pra coração.
Foi de repente eu sei, mas
sinto uma energia rondar.
Nem uma troca de olhar somos
capazes de enfrentar.

Hei... Manda-me um simples bilhete.
... Simples assim e diz.
“Não eu não amo você”.

Marisa Torres
@Direitos reservados.



Nenhum comentário:

Postar um comentário