quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Vem que te quero...

Vem que te quero...

E me entrego
com aroma de ilusão.
Basta o teu coração querer...
E te espero.
E te quero com a lucidez do meu...
Por Deus te quero.
Vem que o que mais quero
é por um fim neste vazio frio que
 nos cerca fingindo ter
compaixão.

Vem que te espero...
Mesmo que assustada e um
tanto cansada de tantas
 promessas e medos.
Vem que eu deixo... Ser meus
problemas, sonhos e pesadelos.
Compartilha comigo teus segredos...
Pois de ti sou réu confessa.
Vem...
Sentir a pureza de quem te ama...
Tua gueixa.

Vem que o que mais quero.
É meu olhar reluzindo no teu.
Vem fazer morada eterna no meu “eu”.
Vem minha alma encantar. Há...
Canta uma cantiga de ninar.
Faz-me um jantar a luz de velas.
Meu café da manhã
após amar.

Vem que eu quero fazer de nossas vidas.
“Vidas” e não versos.

Marisa Torres
@ Direitos reservados.

Marisa Torres^♥^:

Nenhum comentário:

Postar um comentário