terça-feira, 14 de setembro de 2010

Desenhando o coração do poeta.

Desenhando o coração do poeta.


Só com as estrelas do
céu e rimando no amor.
Ouvir uma canção e sentir
nos efeitos a dor.
Usar um pó mágico dosado
de esperança em busca de paz.
Desenhar um coração
qualquer um é capaz.

Usar pétalas de
margaridas e fechar corações.
Bailar no encanto da
 poesia ao apreciar uma flor.  
Usar multicores com sutileza.  
 O verde da natureza e o vermelho
deixe no centro como
beleza.

Tem que ser um
pouco criança para poder pintar.
Adornar o coração com fitas
coloridas e o azul do mar.
E na grandeza da beleza
usar arranjos de violetas.  
Papel de alegria e pincel mágico
para poder se entregar.
E está pronto o coração do
poeta que só vive
de amar.

Marisa Torres

© Direitos reservados.


Nenhum comentário:

Postar um comentário