terça-feira, 3 de agosto de 2010

Para que?








O último beijo,
abraço, o último aperto  de
 mão se eu quero mesmo
 é continuar?
Pra que o arco-íris se
 a cor que preciso é uma só...
“A mistura de todas elas”.

Pra que melodias se a
 orquestra ficou no barco e
 não chegou ao porto.
Pra que dizer "Eu tentei..."
Se você ignora a capacidade
 de me fazer feliz.
Pra que devolução do que
lhe dei se as noites de amor,
os beijos o calor não podem
 ser removidos.

Pra que tanta
bobagem se só o que
 quero é ser amada por você.
Pra que dizer adeus se suas palavras
 não diz o que diz tua alma.
Pra que dizer não se o coração
 deseja tanto dizer
simplesmente.

 EU TE AMO...

Para que?

Marisa Torres.
@ Direitos reservados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário